Central de atendimento · (047)30353777

Português pt English enEspañol es

Blog

DLP: Como prevenir a perda de dados na empresa

Se você lida com tecnologia na empresa, sabe que enfrenta diariamente constantes ameaças nos dados que circulam pelos equipamentos e pela nuvem. Por isso, é essencial falarmos sobre o DLP.

No post de hoje, entenda o seu significado, como ele funciona, as vantagens e como investir nesse produto/serviço.

O que é DLP?

DLP é a sigla de Data Loss Prevention, traduzido para o português como "prevenção de perda de dados".

Na prática, o DLP nada mais é do que um software que protege os dados das empresas contra perdas, roubos, vazamentos e má utilização por pessoas não autorizadas – o pesadelo de qualquer empreendimento, não é mesmo?

O DLP possui políticas de segurança que são aplicadas em conjunto a esses softwares, o que ajuda a reforçar a segurança dos dados. E não estamos falando apenas da proteção dos dados que circulam nos computadores da empresa. O DLP também inclui a proteção de ambientes em cloud computing e em dispositivos móveis. 

Por isso é que o assunto é tão importante para as empresas. O Data Loss Prevention protege as informações que são importantes para sua empresa. É possível protegermos documentos, arquivos, e-mails e afins. 

Como o DLP atua na prática?

Em primeiro lugar, a ferramenta DLP atuam na proteção de todos os dados, mas também ajudam a identificar e a classificar arquivos e dados dentro da empresa.

Na prática, isso quer dizer que seus recursos de segurança impedem o acesso aos dados por parte de usuários não autorizados e que possam colocar em risco a própria empresa.

As funcionalidades mais importantes do DLP estão relacionadas ao monitoramento constante. Exemplos:

  • Proteção dos dados sempre que eles se moverem por compartilhamentos ou transferências (devidamente autorizados);
  • Controle o monitoramento de entrada e saída de todos os dados da empresa;
  • Monitoramento de todas as atividades de end points (dispositivos móveis e computadores). 

Esse recurso é de extrema importância para termos a rastreabilidade dos arquivos dentro da empresa. Entendo que áreas consomem quais dados.

Quer um exemplo prático do funcionamento de um software DLP?

Se um funcionário tentar encaminhar um simples e-mail com um documento anexado para um serviço de armazenamento em nuvem de um provedor diferente, ou, ainda, para fora do domínio corporativo, o software DLP nega a permissão e o e-mail não é enviado. Além disso possibilita que seja gerado um incidente de segurança para a equipe responsável possa efetuar a trativa necessária.

Esse exemplo parece muito simples, mas imagine a quantidade de incidentes que poderiam acontecer e colocar em risco os dados da empresa? 

Quais as vantagens do DLP nas empresas?

  • Protege e monitora os conteúdos críticos e confidenciais da empresa;
  • Auxilia na definição e na implementação de políticas de segurança;
  • Protege documentos privados, tanto dentro da empresa quanto em ambientes em nuvem;
  • Protege os dados de todos os dispositivos móveis e aplicativos utilizados na empresa pelos funcionários;
  • Reduz e controla a movimentação dos dados no data center da empresa, nos escritórios remotos, nos sistemas utilizados pelos clientes e nos dispositivos dos funcionários;
  • Auxiliar na identificação dados sensíveis na rede;
  • Identifica falhas em processos que estejam compartilhando dados sigilosos.

Vale lembrar que com todas essas vantagens, o DLP é um braço direito da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que entrará em vigor a partir de agosto de 2020. Além disso, o software também ajuda no compliance de outras leis e regulamentações. 

Como adotar DLP na empresa?

Como vimos, o DLP é um software. No entanto, antes de adquirir e configurar um, é importante levar em consideração alguns aspectos.

É preciso estudar a fundo as necessidades da empresa e todos os seus pontos vulneráveis. Somente assim ficará mais fácil escolher um conjunto de soluções que realmente cobrem toda a segurança dos dados. Além disso, é fundamental entendermos o que deve ser protegido de fato. Ou seja, precisamos classificar nossa informação/dados para que a ferramenta possa ser valiosa na proteção contra o vazamento.

Nesse caso, é importante contar com uma consultoria prévia com especialistas no assunto, para que todas as etapas de implementação do DLP sejam feitas com sucesso e sem riscos.

Para isso, sugerimos entrar em contato com a equipe da Indyxa, que oferece um atendimento completo para você tirar todas as suas dúvidas e definir a melhor solução para a proteção dos dados do seu negócio.

Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível. Ao continuar a navegar no site, você concorda com esse uso. Para mais informações sobre como usamos cookies, veja nossa Politica de Privacidade.
Continuar